sexta-feira, 2 de julho de 2010

Tranquei à chaves

Tranquei as portas do meu coração...
Tendo como prioridade o objetivo de arrancar você de lá, então, fechei a porta, tranquei com chave, e em seguida fiz com que ela desaparecesse para eu nunca mais achar!
Mais o que eu não imaginava, é que iria acabar por esquecer você lá dentro... Preso, sem saída... Fazendo parte do meu ser, pra toda á eternidade!

Por: Ana Alves

Nenhum comentário:

Postar um comentário